Menu
11 de agosto de 2020
10º min
16º min
08/07/2020 às 13h34

Instituto Tamu Junto em parceria com Energisa arrecada 20 toneladas de alimentos


iviagora

Uma parceria voltada a arrecadação de donativos angariou 20 toneladas de alimentos não perecíveis e que serão destinados a oito entidades beneficentes de Mato Grosso do Sul. Serão beneficiadas a AACC, Fundo de Apoio à Comunidade, Hospital de Câncer Alfredo Abrão, LBV, Cotolengo Sul-Mato-Grossense, Associação Espírita Bezerra de Menezes e Grupo de Fraternidade Hilário da Silva Do total e Projeto Avivad, em Aquidauana.

Do total, 620 kg foram doados pela Enegisa que acredita tratar-se de um momento de unir forças. "Desde que começou a pandemia, nos mobilizamos para minimizar os efeitos causados pelo novo vírus. E com a instabilidade financeira, muitas pessoas acabaram perdendo seus empregos, por isso pensamos em ajudar os mais necessitados", explica Marcelo Vinhaes, diretor presidente da Energisa.

Essa é mais uma das ações da empresa, e que comprova o reconhecimento em ocupar a 68º posição no ranking da versão brasileira da revista de negócios americana Forbes, como uma das 100 empresas mais solidárias do Brasil.

Entre as ações no movimento intitulado 'Energia do Bem' - encabeçado pelo Grupo Energisa - consta a arrecadação de valores para doações em asilos, passando pela aquisição, calibragem e logística de recolhimento de respiradores pulmonares, doações de máscaras N-95 e protetores faciais para hospitais, além de cestas básicas.

Por iniciativa do Instituto Acende Brasil, a Energisa contribuiu ainda com R$1,5 milhão para ajudar a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) na produção de testes rápidos para diagnóstico da doença.

Em Mato Grosso do Sul, a concessionária doou R$ 300 mil, que foram distribuídos para a compra de itens de higiene e limpeza, de alimentos não perecíveis, fabricação de máscaras de proteção individual, e transporte e calibração de ventiladores pulmonares. Entre as ações, destaca-se a produção de 65 mil máscaras, 100% algodão, que foram destinadas aos indígenas do município de Dourados e região - considerado o epicentro da doença no estado. E ainda, aos indígenas das cidades de Miranda e Aquidauana.

Na Capital, foram doadas 380 cestas básicas a famílias carentes e idosos do Asilo São João Bosco e do Sirpha Lar do Idoso receberam reforço no estoque dos produtos de higiene e limpeza - considerados itens essenciais durante a pandemia, com a entrega de 1.960 produtos e mais 423 kg de alimentos não perecíveis. Outras 38 instituições foram contempladas em todo o país.

A concessionária realizou ainda o transporte, conserto e calibração de 76 ventiladores pulmonares que estavam estragados para instituições de saúde de Campo Grande, Dourados, Ponta Porã, Bonito, Aquidauana, Jardim, Guia Lopes da Laguna e Aparecida do Taboado.

Mais informações:

Toda a sociedade pode ainda obter informações confiáveis sobre a doença Covid-19 e conteúdo que foi produzido para contribuir com a redução dos impactos do isolamento social. Para saber mais é só entrar no portal Energia do Bem pelo link: https://www.movimentoenergiadobem.com.br/