Menu
14 de agosto de 2020
10º min
16º min
12/07/2020 às 20h06

Dona de restaurante é encontrada morta no estabelecimento


iviagora - Diário Corumbaense

Liane Aparecida de Arruda, de 51 anos, foi encontrada morta na manhã deste domingo (12), no restaurante o qual era proprietária, no centro de Corumbá. 

Conforme o Diário Corumbaense, um funcionária de Liane chegou pela manhã para trabalhar, bateu na porta, mas a vítima, que morava sozinha anexo ao restaurante, não abriu. Ele esperou ainda por algum tempo e decidiu chamar a irmã de Liane.

Eles acabaram arrombando a porta e encontraram o corpo no quarto. A mulher foi assassinada com facada no pescoço. 

Um cofre no local estava aberto e todo o cômodo foi revirado. Uma das câmeras internas do restaurante foi coberta com toalha de mesa e um computador que gravava as imagens foi levado. O carro da vítima, um Fox preto, foi levado pelos bandidos, além de certa quantia em dinheiro.  

As Polícias Militar, Civil e a Perícia Técnica foram chamadas e o local isolado. 

Latrocínio (roubo seguido de morte) é uma das linhas de investigação, segundo informou o delegado da Polícia Civil, Willian Rodrigues, de acordo com o Diário Corumbaense.

 O delegado disse que imagens de câmeras de segurança ao redor do estabelecimento comercial, devem ser solicitadas para ajudar nas investigações.

Carro de dona de restaurante assassinada é encontrado pela polícia.

O carro Volkswagen, modelo Fox, de cor preta, placas QAU 4F16, pertencente a Liane Aparecida de Arruda, de 51 anos, assassinada na área central de Corumbá, foi encontrado. O veículo estava abandonado no final da rua América, próximo a pista do Aeroporto Internacional de Corumbá, no bairro Aeroporto.

De acordo com o Diário Corumbaense, os peritos da Polícia Civil encontraram uma marca de sangue na maçaneta da porta do motorista. No interior do veículo, garrafas de cerveja, máscara e um pó branco que pode ser entorpecente foram encontrados.

A polícia acredita que mais de uma pessoa possa estar envolvida no caso. 

O computador com imagens de câmeras de segurança do restaurante de Liane que havia sido levado pelos criminosos foi encontrado pela polícia no carro, o que deverá ajudar nas investigações.

Uma das câmeras internas foi coberta com toalha de mesa, mas as outras estavam funcionando.